rega e poda

eu regouma planta de ódiotodos os diaspara lembrardo motivoda descoloraçãodas minhascicatrizes dizemque é precisodois anosaté passarum diasem pensarem fumar maseu tenho dificuldadeem passaruma horasem pensarem você o que me aproximanão é o amoré a minha plantade ódioque não voumais regar vou deixarà luznecromantedo solpara secare morrer