noites juvenis

lembrei de quando tocávamos
“boys don’t cry” no parque
naquelas madrugadas sutis
que não precisavam acabar
como acabaram precisando
antecipavam ressacas
e ressacas ainda eram
comedidamente poéticas
a bebida era transporte
e não o destino final
as drogas ainda não
cheiravam usuários
somente música e prazer
mistérios nas penumbras
o desespero ainda não
pintava seus cabelos
com meu sangue
e violões ainda eram
os psicanalistas
da noite

Publicado por Luk Ank

lukank.com@gmail.com

Um comentário em “noites juvenis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: